quarta-feira, 20 de junho de 2012

Para a Vida Consagrada Monástica
e Contemplativa -
Aparecida (SP), 16 a 19 de junho 2012.

Aconteceu em Aparecida (SP) no Seminário Santo Afonso dos Missionários Redentoristas, o Encontro Nacional para a Vida Consagrada Monástica e Contemplativa.

Foi organizado por representantes da Vida Monástica e Contemplativa, pela CRB e CNBB com o tema “Nossa Pátria é o céu” (Fil 3,20). Vida Monástica e Contemplativa hoje - Identidade, Mística e Missão’. Participaram cerca de 200 religiosos e religiosas de vida monástica e contemplativa, inclusive as Clarissas.


Segundo Padre Deusmar Jesus da Silva, assessor na CNBB para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada o objetivo deste Encontro é proporcionar à Vida Religiosa Monástica e Contemplativa a oportunidade de conhecimento mútuo, de troca de experiência, de articulação e de aprofundamento de conteúdos relacionados a este estado de vida.


Esse encontro somente foi possível graças à aprovação e licença especial concedida às religiosas de clausura pelo Prefeito da Sagrada Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica, Dom João Braz de Aviz.

A abertura foi feita pelo Secretário Geral da CNBB, Dom Leonardo Steiner, OFM que conduziu o momento. Participaram da mesa o Prefeito da Sagrada Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica, Dom João Braz de Aviz, o Presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil e Arcebispo da arquidiocese de Aparecida, Dom Raimundo Damasceno, a Presidente da Conferência dos Religiosos do Brasil, Irmã Márian Ambrósio, o Presidente da Comissão para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada e arcebispo de Palmas, Dom Pedro Brito, o monge cisterciense e abade emérito da Abadia Nossa Senhora de Hardehausen, em Itaporanga, Dom Luiz Alberto Ruas Santos e a Abadessa beneditina do Mosteiro do Salvador, Madre Vera Lúcia Parreiras Horta.

Em sua fala, Dom Raimundo deu as boas-vindas aos participantes e manifestou a alegria em acolhê-los na Arquidiocese de Aparecida, destacando que a vida monástica e contemplativa é fundamental para a Igreja.: “A Igreja depende da oração e intercessão dos religiosos de vida monástica e contemplativa. Assim como a vida de Cristo em Nazaré, os contemplativos vivem no escondimento, na humildade, no silêncio de suas clausuras”.

O Cardeal Dom João Braz manifestou a satisfação de deixar Roma para estar neste encontro. “Estava ansioso por estar aqui. Sempre amei os religiosos. E em minha pessoa sintam-se abençoados pelo Santo Padre Bento XVI”, se expressou.

Para Dom João Braz, a Vida Religiosa deve manter vivo no cotidiano de sua existência alguns elementos fundamentais para a vivência da santidade: a experiência profunda do amor de Deus, a dimensão trinitária que nos inspira na vivencia da fraternidade com o outro, o diferente, o contexto atual e a obediência religiosa.

O encontro foi encerrado com a Celebração Eucarística às 11h, presidida pelo bispo auxiliar de Porto Alegre (RS), Dom Jaime Spengler, OFM.


Aos que desejarem mais informações click aqui.

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.

Últimas Postagens